só o que sobra 2020

o curta é desenvolvido a partir da reflexão sobre o pertencimento objetivo e subjetivo – aonde estamos, aonde sentimos pertencer dentro e fora de nós, e o que nos impede ou nos retira do local em que estamos. é característico…

0
(0)

o curta é desenvolvido a partir da reflexão sobre o pertencimento objetivo e subjetivo – aonde estamos, aonde sentimos pertencer dentro e fora de nós, e o que nos impede ou nos retira do local em que estamos. é característico da prática mineradora a exploração e o furto dos meios materiais e emocionais de pessoas e naturezas que ali habitam. extensivamente retiram todos e tudo que ali habitam para deixar só o resto.
a partir disso, a artista usa de materiais próprios produzidos ao longo de sua pesquisa sobre a mineração, como a gravação de diversos meios e animações, para expor só o que sobra depois que a escavadeira passa, em si e no espaço.

0 / 5. 0

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *